Poesia

Passar Por Ti

Já não passava por ti à tanto tempo,
não via a tua silhueta à dias.
Que saudades que tinha dos teus olhos.
Mas lá no fundo eu sempre senti a tua falta.
Lá no fundo eu não queria que tivesse acabado.
Não queria olhar para ti com esta dor.
Ver-te a sorrir e saber que estás destruído.
Mas não és o único…
Não és o único que está destruído.

Por: Carolina Pinto (Escritora)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.