Literatura

Ler é viver mil vidas numa única existência

Desde que nasci até agora, numa única vida, já vivi muitas outras por isso agradeço aos livros.

Apesar de ter começado a ler quando era mais nova, as coisas não permaneceram sempre assim. Certas coisas que mudaram e acabei por deixar a literatura para trás por volta dos 12 anos, devido à entrada das tecnologias no meu quotidiano, tornei-me alguém tão focada no mundo digital que, como grande parte das pessoas, esqueci-me do mundo que temos cá fora. Durante esta pausa li apenas, Os Filhos da Droga (de Kai Herrmann e Horst Rieck em colaboração com Christiane F.), uma leitura obrigatória do PNL, mas lembro-me de ter agradecido interiormente o facto de tê-lo lido. Foi uma das histórias que mais me marcou.

Em 2019, descobri o Booktube 1Subconjunto, da comunidade de YouTube, que produz conteúdo relacionado a livros. Algumas recomendações de Booktubers portugueses para seguir no YouTube são: Dora Santos Marques; Laulau land; … Ler mais e Bookstagram 2Contas do Instagram que produzem conteúdo relacionado a livros (imagens e/ou opiniões). Algumas recomendações de contas para seguir no Instagram são: @literarymillie; @my_life_library_ e … Ler mais, duas plataformas mundialmente conhecidas, que acabaram por mudar os meus dias até então. Inicialmente, comecei por explorar o Bookstagram – onde encontrei conteúdo literário fantástico – e por mera curiosidade procedi a assistir a vídeos de Booktubers sobre, vlogs de leituras, as suas leituras mensais, recomendações de livros, etc. Senti que entrava num mundo completamente novo, diversificado e viciante. Comecei então por pura vontade e entusiasmo a adicionar livros à minha ‘wishlist’, que crescia cada vez mais. E já pude então dizer que o “bichinho” da literatura, que outrora estava adormecido, voltou.

Li então, em 2020, uma recomendação duma Bookstagrammer e decidi arriscar e criar o meu espaço literário. Tive, por parte de todos, uma receção incrível/acolhedora e em retrospetiva assumo que esta foi uma das melhores decisões que já tomei! É incrível estarmos rodeados de pessoas que partilham os mesmos gostos, objetivos e ainda melhor termos com quem interagir, partilhar opiniões, frustrações e euforias.

Comecei o meu Bookstagram com 5 livros na estante, e neste momento tenho mais de 100 – tudo graças a este espaço e comunidade. Acredito que ler é um vício saudável e que quem diz que não gosta de ler apenas ainda não encontrou o livro certo. Deixo  então algumas sugestões, para apreciadores de ficção, que gostariam de começar ou retomar a este maravilhoso passatempo que é a leitura:

Apartamento Partilha-se, de Beth O’leary;
[Triologia] A Seleção, de Kiera Kass;
Heartstopper, de Alice Oseman;
[Saga, Inglês] Off Campus Elle Kennedy, e;
Um Homem Chamado Ove, de Fredrik Backman.

Por: Mariana Santos (Criadora de conteúdo)


Obra por Henri Rousseau, The Dream 3Poema (em inglês) escrito pelo artista (Henri Rousseau) para acompanhar a obra:“Yadwigha in a beautiful dreamHaving fallen gently to sleepHeard the sounds of a reed instrumentPlayed by a … Ler mais

Notas de rodapé

Notas de rodapé
1 Subconjunto, da comunidade de YouTube, que produz conteúdo relacionado a livros. Algumas recomendações de Booktubers portugueses para seguir no YouTube são: Dora Santos Marques; Laulau land; Mariana Piedade e Whats Dani Reading About
2 Contas do Instagram que produzem conteúdo relacionado a livros (imagens e/ou opiniões). Algumas recomendações de contas para seguir no Instagram são: @literarymillie; @my_life_library_ e @vanessateixeira.pt
3 Poema (em inglês) escrito pelo artista (Henri Rousseau) para acompanhar a obra:
Yadwigha in a beautiful dream
Having fallen gently to sleep
Heard the sounds of a reed instrument
Played by a well-intentioned [snake] charmer.
As the moon reflected
On the rivers [or flowers], the verdant trees,
The wild snakes lend an earTo the joyous tunes of the instrument.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.